Taxi voador em Dubai e o futuro dos drones

Por Flavio Santana

Escrito em 24 de fevereiro de 2017

Já imaginou ter o seu próprio drone pessoal para andar por aí?

Em Dubai isso será possível em um futuro muito próximo. O Ehang 184 é um drone leve que pode voar sem direção humana e pode ajudar a resolver o problema do transito em Dubai. O drone pode levar pessoas acima de 100 kg, uma mala pequena e pode ficar cerca de 23 minutos no ar. A sua alimentação é com base em eletricidade e ele pode chegar a 90km/h e voar a uma distância de 50 km.

Os profissionais envolvidos como designers e engenheiros do produto trabalharam duro para evitar que o sistema falhe, que seja seguro e também implementarão plataformas espalhadas pela cidade para permitir que o drone pouse em caso de falhas ou mal funcionamento.

O líder da agência de transportes em Dubai, Mattar al-Tayer diz que os canais que operam os drones são encriptados para minimizar riscos de serem hackeados. As especificações e capacidades dos drones são muito sólidas para a sua primeira geração deste tipo de veículos de transporte.

Assista o vídeo e entenda como ele funciona.

Táxi voador

Desde o começo a tecnologia tem se transformado a cada ano que se passa e Dubai tem sido o palco de inúmeras e ousadas inovações tecnológicas do mundo moderno.

Os drones vem ganhando espaço como forma de solucionar problemas existentes como tirar fotos aéreas ou até mapear áreas de difícil acesso em lugares geograficamente desconhecidos. Apesar de ser um polo de luxo e coisas novas, Dubai tem um alto índice de mortes em rodovias além de um tráfego intenso.

O Taxi Voador já está pronto para ser usado.

É notável que as pessoas que vivem em Dubai tem uma percepção diferente de tecnologia do resto do mundo. A cidade já começou a trabalhar em coisas que para o restante do mundo levará alguns anos para ser implementado.

É previsto que esteja disponível o acesso aos drones em julho deste ano pois não está claro quanto irá custar essa experiência ou quem estará disposto a pagar por isso. O futuro dos transportes já chegou e é mais louco do que foi previsto.

Este post foi originalmente publicado no site Future Tech Magazine.

(Fonte: https://designculture.com.br/taxi-voador-em-dubai-e-o-futuro-dos-drones/, data de acesso: 13/08/2019)

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/08/taxi-voador-em-dubai-e-o-futuro-dos-drones/

E se um drone lhe levasse os medicamentos a casa?

Por link to leaders em 5 março, 2019

A entrega vai ser feita pela Connect Robotics, uma start-up fundada em Portugal por dois brasileiros e que quer conquistar os céus portugueses com a sua tecnologia de entregas autónomas.

Qual é o futuro das cidades? Dada a tecnologia já existente e os planos de desenvolvimento de empresas privadas – que vão desde start-ups a multinacionais –, podemos dizer que se avizinha uma era tecnológica de apoio à mobilidade sem precedentes.

No início da próxima década, as cidades mais inteligentes já poderão receber turistas em táxis que se conduzem sozinhos, terão camiões autónomos da Tesla a fazer descargas em grandes superfícies de retalho, trabalhadores que usufruem da sharing economy ao partilharem veículos no percurso para o trabalho, bicicletas e trotinetes espalhadas pelas zonas mais movimentadas com o objetivo de facilitar viagens de curta distância, os mais excêntricos poderão viajar pelo ar com táxis elétricos voadores e as entregas serão feitas via drone.

Veja vídeo em https://youtu.be/ov67keJN-iE

Veja vídeo em https://youtu.be/bp_VxAeNqjw

(Fonte: https://linktoleaders.com/connect-robotics-entregas-um-drones/, data de acesso: 13/08/2019)

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/08/e-se-um-drone-lhe-levasse-os-medicamentos-a-casa/

Pesquisa da PB testa bambu para substituir plástico

Planta serve para confecção de utensílios domésticos e construção de moradias

Redação

9 de agosto de 2019

A poluição do meio ambiente com materiais descartáveis de plástico é uma das principais preocupações dos ambientalistas na atualidade. A fim de substituí-lo e revolucionar a arquitetura e a engenharia civil, o pesquisador do Leonaldo Alves de Andrade, do Centro de Ciências Agrárias (CCS) da UFPB, em Areia, no Brejo paraibano, testará mais de 50 mudas de 18 espécies de bambu.

“A partir do bambu, é possível produzir bens e serviços ambientalmente sustentáveis, desde os mais simples até os industriais, a exemplo dos utensílios domésticos. Estamos estudando formas de tratar o bambu para que tenham durabilidade. Hoje, já é possível ver construções feitas a partir da planta”, conta o pesquisador.

Segundo o especialista, o bambu é um produto renovável, com alta taxa de crescimento e com a possibilidade de ser produzido sem grandes riscos ambientais. A ideia é testar a adaptação e desempenho da planta na região e integrá-la à cadeia produtiva.

“É uma alternativa de renda e de capitalização para os agricultores, porque é pouco exigente, é muito produtiva e com perspectiva de mercado em função da necessidade de produtos sustentáveis e não poluentes”.

As mudas que serão plantadas em 60 dias vieram de três fazendas do interior de São Paulo. Foram viabilizadas pelo pesquisador Moisés Medeiros Pinto, líder da Rede Paulista do Bambu (REBASP) e membro do Conselho Consultivo da Rede Brasileira do Bambu (RBB).

Leonaldo Alves de Andrade explica que elas ainda não foram cultivadas porque são pequenas. “Estamos esperando que cresçam para poder plantá-las em uma área experimental”.

(Fonte: https://portalcorreio.com.br/pesquisa-da-pb-testa-bambu-para-substituir-plastico/, data de acesso: 13/08/2019)

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/08/pesquisa-da-pb-testa-bambu-para-substituir-plastico/

Como usar camisa social branca, peça curinga masculina

“Todo homem deve ter uma camisa social branca, independente do estilo. Se Coco Chanel, uma das maiores estilistas da história, disse que toda mulher precisa ter um vestido preto, a versão masculina para o tal vestido com certeza é a camisa branca.
Versatilidade é a palavra. Isso você vai descobrir no decorrer deste post ao descobrir as várias possibilidades em como usar sua camisa social branca. Ela é social, é de gala, é esporte fino, mas basta um modo diferente de usar para ela se tornar casual, despojada. Realmente a peça curinga do guarda roupas dos homens.”

Dicas para comprar uma camisa social branca

“Provavelmente você já tem ou teve uma, então fica a dica para a sua próxima compra. Independente do seu biotipo e estilo…

  • Não economize na compra de sua camisa branca. Lembre-se que usar uma roupa de qualidade, ainda mais se tratando de uma peça curinga, é um investimento e não um gasto. Você vai usar muito esta camisa e essas dicas de como usar vai abrir sua mente para isso;
  • Para sua peça ser curinga, compre uma camisa com tecido de fibra natural, de preferência algodão (seja egípcio, pima ou padrão), com a trama que transmita o aspecto liso da camisa, sem brilhos, sem elevações ou padronagens;
  • Fuja do colarinho italiano, aquele mais aberto. Se você quer uma camisa versátil para usar de forma social e casual o colarinho italiano não é a melhor opção. Apesar de ser um colarinho cheio de estilo, ele só vai ficar realmente bom quando você estiver usando gravata. Escolha entre os clássicos, o francês ou o meio italiano;
  • Aposte no básico quando falamos de botões aparentes. Nada de botões escondidos, contrastantes (de cor escura) ou duplo;
  • Caimento é rei. Vale a pena lembrar que independente do seu biotipo você deve usar uma camisa do seu tamanho. Se você não encontra uma camisa que fique legal no seu corpo em lojas convencionais, compre uma próxima disso e leve em uma costureira ou alfaiate para fazer os ajustes, ou se preferir vá direto em uma camisaria fazer sua camisa sob medida;
  • O comprimento e a barra é muito importante em se tratando de uma camisa branca pois você vai usar tanto por dentro como por fora da calça. Compre de preferência uma camisa com a barra reta ou levemente arredondada. O comprimento ideal é entre as duas extremidades do bolso da calça;
  • Camisa sem bolso e com modelagem slim vai te dar mais possibilidades mas isso não é um impedimento. Da pra ficar estiloso com uma camisa comfort com bolso também;
  • A manga deve ser comprida.

Como usar camisa social branca – inspirações

Ela vai bem com tudo. Do shorts de praia ao terno completo. Combina com tudo, da calça colorida ao black jeans. Não tem regras quando sua camisa é básica, lisa e com ótimo caimento. Teste, ouse, abuse. Adapte a sua camisa branca com seu estilo.

Você não vai se arrepender do seu investimento após ler as dicas para comprar sua camisa.

Para os que gostam de inspirações, segue uma seleção de imagens do estilo mais informal para o mais formal. Veja como usar sua camisa social branca.”

SAIBA MAIS COMO USAR A VERSÁTIL E ELEGANTE CAMISA BRANCA
(Continua….)

(Fonte: https://guiaestilomasculino.com/como-usar-camisa-social-branca-a-peca-coringa-para-os-homens/, data de acesso: 13/08/2019)

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/08/como-usar-camisa-social-branca-peca-curinga-masculina/

Homens, homens e homens! Pai, avô, filho e neto!

15 de Julho – Dia do Homem
26 de Julho – Dia dos Avós
11 de Agosto – Dia dos Pais


PAI!
PAPAI
SEMENTE
DE TODAS
AS VIDAS
HUMANAS!
FELIZ DIAS DOS
PAIS!
DIA 11 DE AGOSTO


A natureza é sabia, sempre o “macho da espécie” é mais forte, corajoso, lutador e que enfrenta os perigos, faz parte da sua constituição! Ele vai para a briga!

Todavia é óbvio se tem que conquistar territórios, e aí se confrontará com outros machos líderes, que querem fazer o mesmo para os que dele são em espécie…

A fêmea para na preservação da ninhada, os filhotes que precisam se alimentar, e até as crias maiores estão sem muita experiencia, e, ainda elas protegem também os da espécie em idade avançada… A fêmea fica na volta dos que não podem se defender sozinhos… e, em sua maioria elas são valentes.

O que temos a ver e a pensar sobre o lado animal que se reflete na busca da preservação da vida de forma simples… Mas o homem pensa, reflete, estuda…

A mulher também, ambos desenvolveram intelectos, emoções, viver em grupos e conquistas etc. que nos diferencia de um habitat inóspito, e nos leva nas condições socio humanas, político, econômico etc. que a sociedade humana os desenvolveu em maior parte de países no mundo, embora a dificuldade linguística e de costumes etc.

E neste século temos um pai presente que leva filhos na escola, que ajuda nas lições, que cuida de todas as crianças, meninas meninos, enquanto a esposa trabalha e estuda… e os avôs (vô, vovô) idem… São solidários na educação da garotada, levam-nos para a passear, presenteiam com o que netos e netas pedem… são mimos de avô (e de avó)…

Sem dúvida para que nós mulheres pudéssemos chegar a ter um outro mundo intelectual, e profissional e de carreira e vários segmentos socio políticos, tivemos alguns grandes e magníficos homens ao nosso lado… que maravilha a vida de uma família, em que há o pai presente e construtivo na felicidade de seus filhos e, amante de sua esposa… que felicidade uma família que o avô está ali junto da avó, sorrindo, contando estórias do passado e já os netos e as netas muito preocupados com a idade e a saúde deles…

Parabéns homens valiosos que valorizam a família de vocês os seus filhos/as e netos/as, independentemente de serem os “valentões sociais e de manutenção da casa (porque ainda são os que tem remuneração e chance de carreias melhores, que as mulheres, mas sem dúvida, sabemos que nossas conquistas sempre tivemos um home forte a nosso lado).

FELIZ DIA DO HOMEM, a todos os homens… cuidem da saúde, sejam felizes, e, façam a família de vocês felizes!…

Fraternalmente lhe entrega-nos esta edição, esperamos sua colaboração em divulgar… Elisabeth Mariano e equipe ESPAÇO HOMEM

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/07/homens-homens-e-homens-pai-avo-filho-e-neto/

Entrevista com o advogado e mediador Prof. Ernesto Rezende Neto

Perfil do advogado e mediador Prof. Ernesto Rezende Neto

Prof. Ernesto Rezende Neto

Prof. Ernesto Rezende Neto

  • Professor, Advogado e Mediador
  • Advogado especialista em Direito Civil, atuante na área de Família, das Sucessões, Direito Imobiliário e Condominial, desde 1979;
  • Inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil, São Paulo, sob o número 79.263;
  • Especialização em Negócios Imobiliários pela FAAP, turma de 1998;
  • Pós-graduado em Métodos Alternativos de Solução de Conflitos Humanos pela Escola Paulista da Magistratura;
  • Treinado em Mediação Corporativa por Ron Kelly, Professor da Universidade da Califórnia, Berkeley, USA;
  • Sócio fundador do Mediativa – Instituto de Mediação Transformativa;
  • Integrante da Câmara de Mediação do Secovi – SP;
  • Docente da Escola Superior do Ministério Público de São Paulo, do Instituto FAMILIAE, da Escola Paulista de Direito (EPD) e do Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP);
  • Coordenador Executivo do FONAME, Forum Nacional de Mediação;
  • Membro associado ao IBDFAM- Instituto Brasileiro do Direito de Família.

Saiba mais:
https://www.rezendeneto.com/index.php/PT-BR/quem-somos/advogados.html

Contatos

Rezende Neto, Solimene & Vieira Advogados

Tel.: +55 11 3079 1837 | +55 11 3071 0918

Celular/Whatsapp: + 55 11 98389 2403

Email: contato@rezendeneto.com

Skype: Rezendenetoadvogados

Avenida Nove de Julho, 5593 – cj. 44

Itaim Bibi – São Paulo – SP

CEP 01407-200 BRASIL

OBS.: Respeitamos a Liberdade de Expressão de todas as pessoas. As opiniões aqui expressas NÃO refletem as da TV ESPAÇO HOMEM, sendo estas de total responsabilidade das pessoas aqui entrevistadas.

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/07/entrevista-com-o-advogado-e-mediador-prof-ernesto-rezende-neto/

Entrevista com o Historiador Prof. Dr. Édison Huttner

Perfil do Historiador Prof. Dr. Édison Huttner

Prof. Dr. Édison Huttner

Pós-doutor em História pela PUCRS. Tema: “A Arte Sacra Jesuítico-Guarani (séc. XVII-XVIII) no Rio Grande do Sul: itinerários e descobertas”.

Doutorado em Teologia pela Pontificia Universidade Gregoriana – Italia (2003).

Possui graduação (licenciatura e bacharelado) e mestrado em Teologia pela PUCRS (1995/2000).

Atualmente é professor titular da PUCRS. Atua principalmente nos seguintes temas: fenômeno religioso, diálogo inter-religioso, cultura indígena, amazonas, arte sacra, telesaúde-indígena, gerontologia do índio idoso.

Coordenador do Núcleo de Estudos e em Cultura Afro-brasileira e Indígena. Coordenador do Projeto de Arte Sacra Jesuítico-guarani: descobriu mais de uma dezena de peças sacras de 300 anos. Idealizou e coordenou o Iº Fórum Internacional Povos Indígenas na América; realizou missões multidisciplinares na área de saúde indígena com as etnias indígenas: Arara e Gaviões em Ji-Paraná RO, Índios do Alto XIngu.

Coordenador do Grupo de Pesquisas em Cultura Afro-egípcio da PUCRS (CNPq/SIPESQ).

Atuação em telemedicina. Trabalho reconhecido pela Organização Mundial de Saúde; Organizou e publicou on-line uma obra em parceria com a Fundação Darcy Riberio e karioca Media: (Séculos Indígenas no Brasil: Catálogos de Imagens. EDIPUCRS, 2010/ 2ª Edição 2010 (considerado como o étnico brasileiro pelo Jornal Correio do Povo).

Recebeu carta da Secretaria do Estado do Vaticano em 2010 com agradecimento e elogio do Papa Bento XVI pela obra mística: Rosário: Orações de Outubro, assinada por seu Secretário de Estado, Peter Wells.

Co-Coordenador da Ação Educativa: Séculos Indígenas no Brasil. Fórum de Atualização sobre Cultura Indígenas (Modolo I, II e III- Brasilia 2009, 10, 11).

Coordenador Geral da Exposição Séculos Indígenas – III Edição. Brasília (2011).

Personalidade Estadual da Semana Missioneira (2012,2013,2014).

Membro do Conselho de Curadores Pleno da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS).

(Fonte: http://lattes.cnpq.br/7316502743379186)

Contato:

Email: profedison15@gmail.com

Cel.: (51) 98428-1224

Ouça a entrevista: Rádio Espaço Homem – 2019-07-15 – Prof. Dr. Édison Huttner

https://drive.google.com/open?id=1Fhita6u8pPHM7zMqLYVDVIBITAfXOO0v

OBS.: Respeitamos a Liberdade de Expressão de todas as pessoas. As opiniões aqui expressas NÃO refletem as da RÁDIO ESPAÇO HOMEM, sendo estas de total responsabilidade das pessoas aqui entrevistadas.

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/07/entrevista-com-o-historiador-prof-dr-edison-huttner-2/

Mensagens para o Dia dos Homens

“Um verdadeiro homem é aquele que sabe reconhecer e compartilhar os seus sentimentos, chorar, agradecer, amar e, principalmente, respeitar o próximo! Feliz Dia dos Homens!”

Dia do Homem

No “Brasil, o Dia do Homem foi criado por iniciativa da Ordem Nacional dos Escritores e é celebrado no país desde 1992. O Dia dos Homens é comemorado anualmente em 15 de julho no Brasil. Esta data foi inspirada no Dia Internacional do Homem (19 de novembro), e tem o objetivo de conscientizar a população masculina sobre os cuidados que devem tomar com a sua saúde.”

(Fonte: https://www.calendarr.com/brasil/dia-do-homem/, data de acesso: 13/07/2019)

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/07/mensagens-para-o-dia-dos-homens/

Nossas homenagens aos homens que também salvam vidas de outros homens

BOMBEIROS, SAMU, SOCORRISTAS DE PLANTÕES EM HOSPITAIS
ASSISTA AO VÍDEO:

Deslocamento e primeiros atendimentos a vítima de acidente de trânsito -Bombeiros de São Paulo

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/07/nossas-homenagens-aos-homens-que-tambem-salvam-vidas-de-outros-homens/

In Memorian – Jornalismo em luto por Paulo Henrique Amorim

AGÊNCIA BRASIL – O Bemdito 10 de JULHO de 2019 10h00

O jornalista Paulo Henrique Amorim morreu na madrugada do dia 10 de Julho, no Rio de Janeiro. “A informação foi divulgada pela TV Record, emissora onde trabalhava desde 2003. Sua trajetória profissional foi destacada pela manhã pelo jornalista André Azeredo, que apresenta o programa SP no Ar.

Paulo Henrique Amorim construiu uma carreira que foi do jornalismo impresso ao televisivo.

(Fonte: http://www.obemdito.com.br/brasil/jornalista-paulo-henrique-amorim-morre-no-rio-de-janeiro-aos-77-anos/26780/, data de acesso: 12/07/2019)

Link permanente para este artigo: https://espacohomem.inf.br/2019/07/in-memorian-jornalismo-em-luto-por-paulo-henrique-amorim/