set 15

Você sabia que no dia 1º de Outubro, se comemora o “Dia Nacional do Vereador” e no dia 6 de Outubro – o “Dia do Prefeito”?

Estas duas comemorações fazem parte das leis editadas para festas comemorativas no país, e, coincidentemente este ano temos as eleições municipais. Que tal refletir se hoje você parabenizaria os seus candidatos que fazem parte do seu município, pelos feitos deles, ou sinceramente você se sentiria arrependido de tê-los prestigiado com seu voto, ou será que você sequer sabe o que eles “andam fazendo por lá”?!

Assim com este questionamento e nas proximidades das datas festivas, e das eleições municipais deste ano, pense nisto, e ao votar, tenha em mente que irá cobrar todas as promessas de campanha, e que irá questionar os custos e gastos de obras e outras atitudes que tanto na Câmara Municipal, como na Prefeitura de seu município, eles estejam fazendo com a procuração em branco que você passou para eles, “ o seu voto!”.

Independente de partido procure conhecer a vida pessoal e as obras sociais de cada um, cujo será seu representante municipal doravante.

Boas eleições e boas escolhas para que possamos ter uma nova cidadania participativa e exigente dos seus Direitos, cobrando os deveres de seus eleitos/as.

Nesta edição trazemos destaque a dois homens brasileiros que estão nos cenários das notícias internacionais, e pesquisamos notícias que podem ser optei para você.

Nosso reconhecimento aos novos colaboradores que chegaram para somar e nos ajudar a resolver alguns problemas, quase insolúveis ao longo do tempo.

Aceite nosso cordial abraço Elisabeth Mariano e Equipe ESPAÇO HOMEM.

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/voce-sabia-que-no-dia-1o-de-outubro-se-comemora-o-dia-nacional-do-vereador-e-no-dia-6-de-outubro-o-dia-do-prefeito/

set 15

Eduardo Saverin é o terceiro maior bilionário de Cingapura

Brasileiro em destaque internacional

Em um mundo pós-Brexit, com ativos em risco sob pressão, Cingapura está se preparando para outro ano de crescimento morno. Espera-se que a economia da ilha, baseada na exportação de bens, cresça entre 1% e 3% em 2016, de acordo com um estudo recente feito pelo governo do país. Refletindo isso, a fortuna média dos 50 mais ricos de Cingapura é de US$ 94,6 bilhões, meros 2,4% a mais que no ano passado.

O cofundador do Facebook, Eduardo Saverin, morador de Cingapura e investidor anjo, se tornou o 3º da lista devido a um crescimento de 38% das ações da empresa no último ano. Atualmente, o brasileiro tem uma fortuna avaliada em US$ 7,3 bilhões.

Os irmãos Robert & Philip Ng, que controlam a Far East Organization, maior incorporadora privada de Cingapura, lideram a lista FORBES dos mais ricos do país. Eles mantiveram o posto de número 1 pelo sétimo ano consecutivo apesar do mercado imobiliário viver um marasmo desde 2003. Um terço das 50 maiores fortunas vem do setor imobiliário, graças aos lucros robustos vindos das unidades de Hong Kong.

No geral, bilionários com ativos no exterior, como o número 2 Kwek Leng Beng e Chua Thian Poh, saíram-se melhor do que outros. Três novas pessoas passaram a integrar o ranking esse ano, incluindo um empresário do setor da tecnologia, Min-Liang Tan, cofundador da marca de acessórios para games, Razer. O novato mais rico é o bilionário do ramo do petróleo e do gás Arvind Tiku. O portfólio da sua empresa, AT Holding, inclui bens no Cazaquistão e sua terra natal, a Índia.

Enquanto o dólar de Cingapura continua com o mesmo valor, o mercado de ações caiu 10% desde o ranking FORBES de 2015. O magnata da tinta Goh Cheng Liang, cujas ações da empresa caíram, é o maior perdedor do ano, tendo perdido US$ 1,2 bilhão de patrimônio líquido. A desaceleração dos empréstimos também afetaram os ricos do país, incluindo Wee Cho Yaw do United Overseas Bank, o terceiro maior credor do país. A fortuna do falecido Lee Seng Wee, banqueiro e antigo chairman do banco OCBC, agora está no nome de seus herdeiros.

Sem surpresas, três das quatro pessoas que saíram do ranking do ano passado são bilionários do setor imobiliário, incluindo Ching Chiat Kwong, cuja empresa Oxley é conhecida por construir apartamentos minúsculos.

(Fonte: http://www.forbes.com.br/negocios/2016/08/eduardo-saverin-e-o-terceiro-maior-bilionario-de-cingapura/, data de acesso 10/09/2016)

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/eduardo-saverin-e-o-terceiro-maior-bilionario-de-cingapura/

set 15

Clodoaldo Silva: “o esporte melhorou minha qualidade de vida e elevou a minha auto estima”

A natação faz parte dos Jogos Paralímpicos desde 1960 e é uma das modalidades que mais reúne atletas na disputa pela medalha de ouro. No início, apenas atletas com lesões medulares podiam participar das provas. Atualmente outras deficiências físicas, visuais e intelectuais são permitidas para que mais atletas fossem incluídos.

No total, o Brasil já conquistou 83 medalhas em Jogos Paralímpicos na natação, sendo 28 de ouro, 27 de prata e 28 de bronze. É a segunda modalidade que mais rendeu medalhas ao Brasil nos Jogos, atrás apenas do atletismo.

Entre os destaques da natação brasileira está Clodoaldo Silva. O atleta nasceu com paralisia cerebral, o que comprometeu os movimentos das pernas e a coordenação motora. Limitações que não impediram Clodoaldo a conhecer o esporte para se tornar uma das principais referências brasileiras nas piscinas.

A primeira paralimpíada de Clodoaldo foi em Sidney, em 2000, e lá o atleta garantiu para o Brasil três pratas e um bronze. Nos Jogos Paralímpicos seguintes, em Atenas (2004), o Brasil conseguiu um grande destaque nas provas de natação com sete medalhas de ouro, três de prata e uma de bronze. Seis das medalhas de ouro foram conquistadas por Clodoaldo. Além das medalhas, manteve quatro recordes mundiais, cinco paralímpicos e 11 para pan-americanos. Em 2005, foi reconhecido pelo Comitê Paralímpico Internacional como melhor atleta paralímpico do mundo.

Hoje, aos 37 anos, Clodoaldo acumula 19 medalhas em pan-americanos, sendo 13 ouros e seis pratas. Para o atleta, a atividade física contribuiu para o bem estar e segurança não só na piscina, mas em outros aspectos da rotina.

“O esporte melhorou muito a minha qualidade de vida, elevou a minha autoestima Se hoje eu sou uma pessoa mais confiante dentro da água e fora dela, é graças a uma atividade física”, afirma Clodoaldo.

O nadador brasileiro também fará parte dos Jogos Paralímpicos 2016 deste ano. Não perca as competições! Se inspire no exemplo de superação do Clodoaldo! Assista o vídeo do depoimento do atleta para o Blog da Saúde:

Gabi Kopko, para o Blog da Saúde.

(Fonte: http://www.blog.saude.gov.br/index.php/materias-especiais/51611-clodoaldo-silva-o-esporte-melhorou-minha-qualidade-de-vida-e-elevou-a-minha-auto-estima, data de acesso 10/09/2016)

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/clodoaldo-silva-o-esporte-melhorou-minha-qualidade-de-vida-e-elevou-a-minha-auto-estima/

set 15

Importância do exame de toque retal

O exame de toque retal, apesar de ser rodeado por preconceitos, é importante para identificar um câncer precocemente.

Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos

Um dos exames mais temidos pelos homens é aquele que diagnostica o câncer de próstata. Cercado de preconceito, o exame de toque retal é evitado por grande parcela da população, o que desencadeia consequências graves para o homem.

O exame de toque retal é feito pelo médico urologistano próprio consultório e dura, em média, apenas um minuto.

O profissional introduz o dedo indicador no ânus do paciente para sentir a próstata, que está localizada na região à frente do reto. A posição varia de acordo com o médico e também com as limitações do paciente. O exame pode ser feito, por exemplo, com a inclinação do paciente sobre uma mesa ou, ainda, deitado lateralmente. Vale destacar que o médico utiliza uma luva de látex ou plástico lubrificada, o que diminui o desconforto e evita a dor.

O toque retal é um exame muito importante para detectar o câncer, pois, ao introduzir o dedo no ânus, o urologista consegue perceber a presença de um nódulo e até mesmo sentir a consistência da próstata. Identificando um tumor, o médico pede uma biópsia, que confirmará ou não a presença de um câncer.

É importante frisar que, após os 50 anos, a recomendação de muitos médicos é a de que o exame de toque retal seja realizado anualmente. A idade cai para 45 anos caso existam casos de câncer de próstata em familiares, como pai e irmãos, diagnosticados antes dos 60 anos. Se o urologista identificar o câncer nas fases iniciais de desenvolvimento, as chances de cura são maiores, o que justifica a importância da realização periódica do exame.

Muitos homens perguntam-se por que não podem realizar apenas o PSA (Antígeno Prostático Específico), exame que avalia a quantidade de uma substância produzida na próstata, que aumenta na presença de câncer. Isso se deve ao fato de que o PSA, apesar de muito eficiente, pode não sofrer alterações em todos os homens com câncer. Sendo assim, o tumor pode estar presente em homens com PSA normal.

Além de ser usado para o diagnóstico de câncer, o exame de toque retal também é importante para verificar se o tumor espalhou-se para outros tecidos e para verificar se ele voltou após o tratamento concluído. Percebe-se, portanto, que é fundamental para o controle dessa doença.

O toque retal é uma das armas na luta contra o câncer de próstata. Não deixe que o preconceito e a falta de informação lhe impeçam de cuidar adequadamente de sua saúde.

(Fonte: http://mundoeducacao.bol.uol.com.br/doencas/importancia-exame-toque-retal.htm, data de acesso 10/09/2016)

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/importancia-do-exame-de-toque-retal/

set 15

Novo Código de Ética da OAB entrou em vigor

Entre as inovações: advocacia pro bono, permissão de publicidade por meios eletrônicos e estímulo aos meios extrajudiciais de resolução de litígios.

Sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Entrou em vigor nesta quinta-feira, 1º de setembro, o novo Código de Ética e Disciplina da Ordem dos Advogados do Brasil. Aprovado no fim do ano passado, o texto começaria a valer em maio, mas a data foi adiada para que as seccionais pudessem de adequar aos novos ditames.

Para conferir a íntegra do Novo Código de Ética, clique aqui.

O texto foi elaborado ao longo de três anos com a participação dos integrantes e das entidades representativas da classe, até ser aprovado pelo Conselho Pleno da OAB nacional em outubro de 2015. No plenário da Ordem, a relatoria do processo ficou a cargo do ex-conselheiro Federal Paulo Roberto de Gouvêa Medina.

Em entrevista à TV Migalhas, e Medina o presidente da OAB/SP, Marcos da Costa, falaram sobre o texto aprovado e da crise ética instaurada no país.

Entre as inovações trazidas pelo novo código está a advocacia pro bono, que possibilita a advocacia gratuita aos necessitados economicamente, vedada no código antigo, que vigorou por vinte anos. O novo Código também estabelece maior rigor ético aos dirigentes da OAB.

Outra inovação é a permissão de publicidade dos serviços dos advogados por meios eletrônicos, como redes sociais, “com caráter meramente informativo, e deve primar pela discrição e sobriedade”, sem tentativa de captação de clientela.

Ainda de acordo com o novo código, passa a ser princípio ético do advogado o estímulo aos meios extrajudiciais de resolução de litígios, como mediação e conciliação, prevenindo a instauração de processos judiciais.

“O produto final é um texto que reflete ampla participação da advocacia brasileira. É extremamente importante que todos e todas tenhamos conhecimento do texto para que ajam dentro dos limites éticos e disciplinares que a sociedade espera de nós”, afirma o presidente nacional da OAB, Claudio Lamachia.

Fonte: http://s.conjur.com.br/dl/codigo-etica-oab3.pdf

(Fonte: http://www.migalhas.com.br/Quentes/17,MI245008,21048-Novo+Codigo+de+Etica+da+OAB+entra+em+vigor, data de acesso 10/09/2016)

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/novo-codigo-de-etica-da-oab-entrou-em-vigor/

set 15

Advogados oferecem denúncia na OEA contra o Estado-Brasileiro

Publicado por Roberto Parentoni

Os advogados criminalistas Roberto Parentoni e Luiz Ângelo Cerri Neto, ambos de São Paulo, do Roberto Parentoni Advogados Associados, ofereceram denúncia contra o Estado-brasileiro na Organização Estados Americanos (OEA), com sede em Washington, nos Estados Unidos, pela negação do Poder Judiciário brasileiro de acesso a prestação jurisdicional e recuso em julgar ação de revisão criminal ajuizada em benefício de L. C. S. F. Segundo os advogados, o argumento do Poder Judiciário é que não foi “produzida” prova nova. “Mas o próprio Código de Processo Penal prevê outras hipóteses de admissibilidade da revisional”, afirma Parentoni.

Os criminalistas entendem que com a decisão do Poder Judiciário, o Estado-brasileiro desrespeita não só o ordenamento jurídico interno vigente, mas também ao disposto no artigo 7, item 6, segunda parte, da Convenção Interamericana de Direitos Humanos (Pacto de São José da Costa Rica), onde é prevista garantia fundamental de obter um pronunciamento do judiciário sempre eu houver ameaça de privação ilegal da liberdade. “Pedimos a condenação do Estado-brasileiro por violação dos direitos humanos e, ainda, a determinação para se proceda à análise do pedido”, explica Cerri.

Roberto Parentoni – Advogado Criminalista – http://www.parentoni.com

Eu sou fundador, em 1991, do escritório PARENTONI ADVOGADOS, militante desde então, especialista em Direito e Processo Penal pela Universidade Mackenzie.

(Fonte: http://www.jusnoticias.com/continue-lendo/advogados-oferecem-denuncia-na-oea-contra-o-estado-brasileiro.html, data de acesso 10/09/2016)

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/advogados-oferecem-denuncia-na-oea-contra-o-estado-brasileiro/

set 15

Autor do livro “Homens Ilustres” é comemorado em 30 de setembro

Jerônimo era fantástico, consciente de suas próprias culpas e de seus limites, tinha total clareza de seus merecimentos. Ao escrever o livro “Homens ilustres”, concluiu-o com um capítulo dedicado a ele mesmo. Morreu de velhice no ano 420, em 30 de setembro, em Belém. Foi declarado padroeiro dos estudos bíblicos e é celebrado no dia de sua morte.

“É incontestável o grande débito que a cultura e os cristãos, de todos os tempos, têm com este santo de inteligência brilhante e temperamento intratável.”

(Fonte: Paulinas http://www.simplesmentesantos.com/2013/09/30-de-setembro-sao-jeronimo.html)

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/autor-do-livro-homens-ilustres-e-comemorado-em-30-de-setembro/

set 15

01 de setembro – Dia do Profissional de Educação Física

O Dia do Profissional de Educação Física é comemorado em 01 de setembro, data em que a lei que regulamenta a profissão entrou em vigor.

Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos

O Discóbolo de Myron é o símbolo do curso de Educação Física

No dia 01 de setembro, comemora-se em todo o país o Dia do Profissional de Educação Física. Essa data, que tem como objetivo valorizar esse profissional, foi escolhida por coincidir com o dia em que entrou em vigor a lei 9696/98, que dispõe sobre a regulamentação da profissão e criou o Conselho Federal e os Regionais de Educação Física.

O profissional de Educação Física possui como função principal promover a saúde da sociedade por meio de atividades corporais. Segundo o Conselho Federal e os Regionais da área, é considerado um profissional de Educação Física aqueles que realizam as atividades de: “Professor de Educação Física, Técnico Desportivo, Treinador Esportivo, Preparador Físico, Personal Trainer, Técnico de Esportes; Treinador de Esportes; Preparador Físico-corporal; Professor de Educação Corporal; Orientador de Exercícios Corporais; Monitor de Atividades Corporais; Motricista e Cinesiólogo.”

Para trabalhar na área de Educação Física, é necessário ter curso superior e estar devidamente registrado no conselho. O registro só não é obrigatório para aqueles que trabalham com artes marciais, dança e yoga, atividades que não possuem como finalidade o condicionamento físico. A falta de registro, nos casos em que se faz necessário, configura o exercício ilegal da profissão.

O curso de Educação Física pode ser encontrado em duas modalidades: licenciatura e bacharelado. Pessoas que cursaram licenciatura podem atuar exclusivamente na Educação Básica, e aqueles que realizaram bacharelado podem atuar em todas as áreas que não forem ensino.

Muitas pessoas possuem a ideia errônea de que, ao realizar um curso de Educação Física, as disciplinas serão exclusivamente voltadas para a prática de esportes, danças ou condicionamento físico. Entretanto, é importante destacar que o estudante dessa área terá uma boa base de Biologia, com aulas voltadas para a anatomia e fisiologia do corpo. Além disso, quando se opta pela licenciatura, várias disciplinas da área da educação são realizadas, tais como psicologia e prática pedagógica.

Ao final do curso, o Profissional de Educação Física estará apto a promover a saúde da população, atuar no ensino, cuidar dos atletas, ajudar os idosos, cuidar das gestantes, proporcionar qualidade de vida para pessoas com deficiências, ajudar na recreação de hotéis e clubes, melhorar o condicionamento físico da população, entre várias outras atividades importantes.

A comemoração do Dia do Profissional de Educação Física é uma grande vitória para a categoria, pois demonstra que a cada dia a profissão está ganhando mais espaço e sendo valorizada.

Símbolo, cor e anel do curso de Educação Física

Símbolo do Curso: Discóbolo de Myron (Veja figura no início do texto). A estátua representa um homem jogando disco nos jogos da Grécia Antiga e foi escolhida como símbolo da Educação Física porque demonstra o corpo humano em ação e representa a força.

Pedra: Pedra de cor verde, assim como todos os cursos da área da saúde. Essa cor representa, entre outros significados, esperança, força e conhecimento.

Anel de Grau: Anel feito em ouro com pedra verde central e o símbolo do curso nas laterais.

(Fonte: http://mundoeducacao.bol.uol.com.br/datas-comemorativas/dia-professor-educacao-fisica.htm)

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/01-de-setembro-dia-do-profissional-de-educacao-fisica/

set 15

Lançamento do livro: “Filhos do Afeto”

“Nunca entendi porque, para serem levadas a sério, as pessoas têm que falar e escrever de uma forma que dificulta o entendimento. Será para dar a impressão ao interlocutor de ser que mais culto e mais sábio? O resultado é que se torna necessário um grande esforço para compreender o que o outro quis dizer;

Assim, lá vão – do meu jeito e com o meu afeto – minhas reflexões sobre os vínculos entre pais e filhos.

Sejam eles naturais, biológicos, afetivos, adotivos, plurais, ou de “outra origem”, segundo a expressão legal.

Também me debruço sobre o calvário do procedimento da adoção e faço um desabafo sobre os filhos do desafeto;

Os operários da justiça – como prefiro chamar juízes promotores, advogados, defensores – precisam se encharcar de sensibilidade e coragem para ver a realidade da vida;

Nunca é demais lembrar que invisibilidade é a mais perversa forma de punir;

E quando se trata de crianças e adolescentes toda e qualquer omissão é criminosa.

Aproveite o desconto da pré-venda, clique aqui.

Fonte: e-mail recebido de Maria Berenice Dias <berenice@berenicedias.com.br>

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/09/lancamento-do-livro-filhos-do-afeto/

ago 15

Ainda não temos muito a comemorar em medalhas, mas sabemos o quanto faltou de apoio real a muitos jovens atletas no país!

Quem sabe doravante as ONG’s e OSCIP’s ou segmentos de responsabilidade social de grandes grupos empresariais e financeiros de nosso país, possam interessarem – se em adotar crianças e jovens e irem preparando-os para tonarem-se atletas vencedores nas próximas olimpíadas. Os que ali se destacam são verdadeiros heróis e heroínas, pois lhes falta até o que seja o básico essencial para tornarem-se campões. O mais correto deverá ser destinar parte das verbas publicitárias para a manutenção de toda a juventude que não tem o acesso básico para se alimentar, treinar ou viver de forma adequada, a se tornar um importante e notável atleta.

A imagem de um país está estampada naqueles que se destacam vitoriosos em um evento mundial de tamanha grandeza, não é apenas investir publicitariamente para que alguns seletos grupos se apresentem mundialmente como se fossem os donos promotores de um evento mundial, e, que se aqui está no Brasil foi graças ao empenho de muitos governantes e executivos nacionais e internacionais os quais nos proporcionaram este momento. Portanto quem ganha fatias consideráveis de publicidade e divulgação mundial também, é quem tem a obrigação de retornar em responsabilidade social para os atletas brasileiros, os quais, sem dúvida não têm comparação aos que estão em outros países, atletas tratados com dignidade para representar ao seu povo e a sua bandeira.

“A fantasia é a mãe da hipocrisia, e a justa realidade pode encaminhar para a felicidade!”

Vamos repensar as nossas obrigações e deveres para comemorarmos dignamente e de forma justa as vitórias de nossa juventude, porque teremos a consciência que fazendo a nossa parte, a alegria de cada atleta brasileiro, também será a nossa alegria e vitória.

Parabéns as seleções de atletas brasileiros, nós também fazemos parte da torcida “ que vale muito ter a coragem de participar!” Parabéns a seus familiares que os apoiaram, principalmente aos instrutores, que de algum modo investiram a capacidade deles em cada um/a de vocês.

Receba esta edição com informações e pesquisas que consideramos interessantes, inclusive trazemos um “pouco de humor, mas que também é uma forma de alerta para a segurança e maior sobrevivência com saúde e longevidade!”.

Cordial abraço de Elisabeth Mariano e equipe ESPAÇO HOMEM, em especial aos nossos valiosos colaboradores.

Link permanente para este artigo: http://espacohomem.inf.br/2016/08/ainda-nao-temos-muito-a-comemorar-em-medalhas-mas-sabemos-o-quanto-faltou-de-apoio-real-a-muitos-jovens-atletas-no-pais/

Posts mais antigos «